sexta-feira, 25 de fevereiro de 2011

8ºCapitulo-Fanfiction: A vida é bela!

8ºCapitulo:A noticia
O Benji levantou a cabeça e sem que me deixasse proferir uma única palavra disse-me para que o acompanhasse ao gabinete do director.
Mikaru: Onde vão? -a Mikaru tinha saído da sala, decerto devia ter arranjado uma desculpa qualquer somente para nos vir perguntar aquilo, mas o mais estranho é que eu sabia para onde ia mas não sabia o porquê.
Benji: Mikaru, mete-te na tua vida. -e de repente, ouviu-se um barulho de um estalo e a Mikaru de joelhos no chão a chorar.



-Benji…Mikaru estás bem? – baixei-me mas fui puxada para trás com alguma brutalidade, mas eu sabia que não era por mal, eu tinha o tido nos meus braços a chorar não acreditava que de um momento para o outro ele pudesse mudar assim tão rapidamente.

(Gabinete do director)
Mãe do Benji: Benji onde é que te enfiaste? E quem é essa?
Benji: Mãe, esta é a Sabrina, uma colega minha.
-Muito praz…..-o Benji tapou-me a boca com a mão.
Benji: Ela…não tem…pais…-disse revirando a cabeça para o lado e mordendo o lábio.
Eu não conseguia dizer nada, e tinha o Benji a segurar-me.
Pai do Benji: Benji, faz o favor de largar a tua colega. -o Benji largou-me mas contrariado e eu queria perceber o porquê mas não conseguia. -Anda cá querida.
-Desculpem-me, mas eu ainda não percebi o que faço aqui.
Mãe e Pai do Benji: Sim filho nós também não.
Benji: Não, a sério que ainda não perceberam?!
De repente a mãe do Benji olhou para a secretária do director, pegou nos papéis que lá se encontravam, mas deixa-os cair no chão.
Mãe do Benji: Tu já sabias. Por que não nos disseste?
Benji: Eu só reparei agora.
-Eu sinto-me a mais eu vou andando para a sala.
Benji: Não, não vais. -gritou.
Fiquei a olhar para ele tristemente.
Mãe do Benji: Benji! Não falas assim com a tua irmã, eu não te admito. -será que tinha ouvido bem, ela terá dito  irmã?
Eu não me estava a sentir bem, até que não aguentei e…




(acordei)
-Ai, ai, ai. Dói-me tanto a cabeça.
Benji: Desculpa, devem ter sido dos nossos gritos.
Mãe do Benji: Sim querida, desculpa. -fez-me uma festa no rosto.
Benji: Mãe, pode-nos deixar a sós?
Mãe do Benji: Sim, claro, mas filho nós temos de partir o nosso voo é daqui a 2 horas. Adeus meus queridos. -e despedindo-se foi se embora mais o marido.
Benji: Sabrina -sorriu –é óptimo pensar que sou o teu irmão mais velho.




-O Quê?!-o Benji riu-se.
Benji: Pois maninha, agora vamos lá ver, vais ter de me levar o pequeno-almoço à cama todos os fim-de-semana, lavar o meu equipamento e fazer o jantar.
-Pois mas eu não moro na mesma casa que tu.
Benji: Mas passas a morar, a casa é grande, dá para os dois.
-{Grande?! É enorme!!} Olha, maninho -disse com tom de gozo -achas que já me deixam sair daqui?
Benji: Não sei. Já volto.
De repente apareceu a Mikaru.
Mikaru: Por que é que o Benji veio contigo? Por que é que me bateu? Olha espera um pouco que ele vai ter a paga.
-Mikaru desculpa-me ter ido embora sem te avisar.
Mikaru: OH! Deixa lá isso, já passou. Agora onde está o Benji?
-Mikaru, por favor não lhe batas.
Benji: A enfermeira disse que já podes sair. Mikaru?
O Benji estava surpreendido por ver ali a Mikaru e disse-lhe envergonhado: -Desculpa-me Mikaru não foi por mal. Mas…tu sabes…os meus pais e eu não nos damos lá muito…
Mikaru: Deixa para lá.
A Mikaru é uma pessoa muito compreensiva, desde que a conheço.
Levantei-me e disse: -Então vamos para casa. Vou só fazer as malas e…
Benji: Eu ajudo.
-Obrigada.
Mikaru: O quê?! Vocês vivem juntos, são namorados ou algo parecido?
Benji: Mmmmmmmmmm……….Tive uma ideia vejam se concordam….

(no caminho para casa do Benji)
Já com as malas feitas e tudo preparado. Eu e o Benji dirigíamos-nos para a sua casa, como quem diz, para a minha casa nova.
A Mikaru teria de certeza preparado a sala, o Benji ia tratar da comida e eu dos convidados.

(em casa do Benji)
Entramos e tal como eu tinha previsto a Mikaru tinha a sala pronta com os sacos de cama todos espalhados naquela sala enorme.
O Benji dirigiu-se à cozinha e eu tratei de me dirigir ao telefone da casa do Benji, pois não me apetecia gastar o dinheiro do meu.
Depois de todos convidados fui ajudar a Mikaru a pôr uma mesa no meio da sala, que seria o sítio onde iríamos comer. E espalhamos algumas almofadas à volta da mesma.
Depois de isto tudo feito fomos dar um espiadela à cozinha de onde vinha um cheiro tão bom que me fazia ficar praticamente nas nuvens. Mas fomos expulsas de seguida.
Benji: Meninas ainda não está. Saiam.
Mikaru: Oh! Benji…

 










Então dirigimo-nos à sala e aproveitamos e vestimos os pijamas para estarmos já prontas e não atrasarmos mais as coisas, pois os meninos e as meninas ainda não tinha feito o favor de chegarem.
Então eu e a Mikaru decidimos fazer um bocadinho de karaoke, durante essa espera, que nem ouvimos a campainha por isso foi o Benji abrir a porta.
Entraram todos mas nós não demos por eles, apenas se sentaram sem dizer nada e ficaram ali a ouvir-nos às duas, a cantar e dançar ao som da música.


Espero que tenham gostado.
Comentem!!!

7 comentários:

  1. O meu palpite sempre estava certo!
    Adorei, está linda!

    ResponderEliminar
  2. que surpresa,afinal o Benji tem uma irmã.
    A tua fanficton está linda!Adorei!

    ResponderEliminar
  3. AMEEEEEEIIIIIIIIIIIII como todas as k li nao podia tar melhor
    Beijinhos

    ResponderEliminar